Make your own free website on Tripod.com

Magnificathy

São Miguel São Rafael São Gabriel

Home
Produtos
Estudos Biblicos a Lei de Deus
Estudos Biblicos Crescimento Espiritual
Estudos Biblicos Santificação
Estudos Biblicos Profecias Sonhos
Estudos Biblicos O Amor
Estudos Biblicos Namoro Noivado Casamento
Pensamentos
Palavras que edificam
Estudos Biblicos A Família
Estudos Bíblicos O Espirito Santo
Estudos Biblicos O Servo
Estudos Bíblicos A Oração
Estudos Biblicos O Perdão
Estudos Biblicos O Pedido Confiante e a Regra de Ouro
Estudos Biblicos Julgamento
Estudos Biblicos Nossos Bens
Estudos Biblicos Anjos
São Miguel São Rafael São Gabriel
Hierarquia dos Anjos
Figuras
Estudos Biblicos Aflições
Estudos Biblicos O Propósito de Deus
estudos Biblicos Numeros na Biblia
Salmos
Salmo Libertação
Favorite Links
Contact Me

 Arcanjos - Miguel, Gabriel e Rafael

 

O título “Arcanjo” consta somente no Novo Testamento, em 1 Tes 4,16 e Jd 9, reportando-se a Miguel.

“Quando o Senhor, ao sinal dado, à voz do arcanjo e ao som da trombeta divina, descer do céu, então os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.” (1 Ts 4,16)

“E, no entanto, o arcanjo Miguel, quando disputava com o diabo, discutindo a respeito do corpo de Moisés, não se atreveu a pronunciar uma sentença injuriosa contra ele, mas limitou-se a dizer: O Senhor te repreenda!” (Jd 1,9)

A palavra Arcanjo (grego singular Αρχάγγελος, Archángelos, grego antigo (plural) Αρχάγγελοι, Archángel[o]i, hebreu Mala’ach)  significa “Príncipe-Anjo”, “chefe dos Anjos”. Assim, quem inventou o termo já pensava sobre uma hierarquia no interior do mundo angélico. Para os cristãos, os componentes dos “Sete antes o trono de Deus” costumam levar este título. Três (e apenas três) são conhecidos na Bíblia: Miguel, Gabriel e Rafael.

Miguel aparece já no Antigo Testamento:

“Miguel, um dos primeiro príncipes, veio em meu socorro” (Dan 10,13.21)

O nome hebraico Mi-Ka-El é uma pergunta retórica: “Quem é como Deus?” Essa pergunta tão libertadora é encontrada várias vezes na Bíblia:

“Quem é como Tu, Javé, entre os deuses?” (Ex 15,11)

“Quem é Deus senão Javé, quem é como Tu?” (Sl 18,32)

Você ainda encontra essa mesma pergunta (que é o nome de São Miguel Arcanjo) em: Dt 3,24; Sl 35,10; Sl 86,8; Sl 89,9; Is 40,18; Is 44,7; Is 46,5.

Gabriel significa “Força de Deus” ou “Varão de Deus” (do hebreu “Gabar’el” ). No A.T. ele apareceu duas vezes a Daniel como intérprete dos mistérios do futuro de Israel:

“Ouvi uma voz humana sobre o rio Ulai, que gritava e dizia: Gabriel, explica a este a visão!” (Dn 8,16).

“Eu estava ainda falando em oração, quando Gabriel, aquele varão que tinha visto antes, aproximou-se de mim, num vôo rápido para me falar” (Dn 9,21).

No Alcorão, Gabriel é o interlocutor de Maomé e portador da mensagem celeste. O seu nome árabe é Djibril.

Rafael (Heb. רפאל) significa “Deus curou” ou “Cura de Deus”. O seu nome é justificado na história de Tobias (pai) e de Sara, noiva de Tobias (filho). Pai e nora suplicaram a Deus pela cura de suas moléstias e na hora da súplica, Rafael foi enviado à terra:

“Naquele instante, na Glória de Deus, foi atendida a oração de ambos; e foi destacado Rafael para curar os dois: tirar as manchas brancas dos olhos de Tobit e entregar Sara como esposa a Tobias¨ (Tb 3,16-17).

Para valer a Tobias e a Sara, Rafael demonstrou seu poder sobre o demônio Asmodeu:

“O cheiro de peixe expulsou o demônio, que fugiu pelos ares até o Egito; Rafael o perseguiu e acorrentou imediatamente” (Tb 8,3).